Logo
Desça para descobrir
Voltar para Home

Pandemia transforma a vida dos consumidores

 02/12/2020

Mercado de trabalho em home office e consumidores se aproximando do consumo virtual e a distância. Estas foram algumas transformações nas nossas vidas impostas pela quarentena causada pelo coronavírus.

Alguns impactos serão irreversíveis e o uso mais frequente da internet pra diversas atividades do cotidiano é irreversível. Entre outras mudanças, esse é um detalhe bem curioso na adaptação pós-pandemia, sendo um dos pontos mais afetados no comportamento das pessoas.

O impacto da COVID-19 sobre o comportamento de compra

A humanidade foi colocada sob uma prova de fogo com a pandemia da COVID-19. Afinal de contas, o isolamento social, aquela com impacto econômico imediato, é a estratégia mais eficaz para a desaceleração do contágio.

A delicada decisão foi tomada por vários países no mundo, exigindo uma adaptação rápida das nossas rotinas de trabalho, consumo e lazer. Nesse cenário, as pessoas começaram a exigir mais serviços e soluções remotas, que pudessem ser realizadas da segurança de suas casas.

Home office e o e-comerce: foi nesse ponto que passamos a conviver com duas novas realidades, sendo parte do cotidiano de muitas pessoas. Entretanto, a quarentena acelerou a migração da sociedade para elas.

Superando medos antigos, como o receio das compras online por questões de segurança, os consumidores foram estimulados a buscar por esses serviços. Com o isolamento social, pessoas de todas as idades encontraram no digital a plataforma certa para continuar consumindo.

De forma rápida, o mercado já vem se adaptando a nova realidade. Fazer um tour virtual para adquirir um imóvel, gerencial sua conta bancária por um aplicativo, configurar o carro dos sonhos, fazer compras de mercado pelo celular e assim por diante, tudo com praticidade, agilidade e segurança.

Alternativas que devem seguir mesmo pós pandemia

Além de contribuir de forma ativa para o combate à pandemia, comprar online também significa comodidade. Também é importante continuar seguindo as dicas de proteção contra o coronavírus, garantindo a sua segurança e daqueles que você ama. Agora, conheça as principais soluções de compra!

Lojas virtuais

As lojas virtuais foram de extrema importância para a realização de compras e mais ainda por contribuir com o faturamento de setores, como o de vestuário, por exemplo, fortemente afetados pela pandemia.

Aplicativos de entrega

Certamente, uma das soluções que mais cresceu desde o início da pandemia. A principal vantagem dos aplicativos de entrega é a possibilidade de centralizar vários estabelecimentos em um único local, conectando o cliente com várias possibilidades de uma mercadoria que ele deseja comprar. É uma experiência prática e simples. Com poucos cliques, você escolhe o produto, as quantidades, define o formato de pagamento e onde a entrega será feita.

Atualmente, a maioria dos aplicativos já atendem amplamente o mercado, possibilitando a entrega de itens de supermercados, padarias, farmácias, empórios, eletrônicos, restaurantes, bares e muito mais.

Plataformas de supermercado

Essa é uma solução alternativa aos aplicativos de entrega. Reconhecendo a profusão desses aplicativos, muitas redes de supermercado decidiram investir pesado nessas ferramentas, incentivando os consumidores a usarem o aplicativo próprio da marca, em vez das opções anteriores.

Em essência, as plataformas de supermercado podem existir tanto por meio de sites quanto de aplicativos que facilitam a sua rotina, permitindo a compra do conforto da sua casa, seguido pelo agendamento do horário de entrega. O maior diferencial desses serviços é o volume da compra.

Geralmente, os estabelecimentos que oferecem seus itens nos a aplicativos de entrega estão limitados à capacidade de carga dos entregadores, apesar de já existirem soluções para isso. Já as plataformas de supermercado usam veículos próprios, entregando grandes encomendas na porta da sua casa.

Marketplaces

Do mesmo modo que os aplicativos de entrega, os marketplaces “nadaram de braçada” durante a pandemia, principalmente quando consideramos o comércio varejista. Afinal de contas, as pessoas continuam precisando de itens fundamentais às suas rotinas, como eletrônicos e afins.

Os marketplaces são análogos aos aplicativos de entrega para os estabelecimentos físicos, ou seja, uma plataforma agregadora de várias lojas para facilitar o consumo. Geralmente, esses portais apresentam os melhores preços, pois unem as ofertas de vários lojistas do mercado nacional.

Serviços digitais

Por último e cada vez mais importante, as ferramentas de soluções digitais. Definitivamente, esses são os serviços que acompanharão a jornada das pessoas ao futuro. Quer um exemplo disso? Veja algumas práticas que estão sendo aposentadas pelas soluções digitais:

- Locação de filmes e TV por assinatura — plataformas de streaming;

- Compra de álbuns e músicas avulsas — plataformas de streaming;

- Filas de espera para atendimento bancário — bancos digitais;

- Pesquisas por melhores ofertas — programas de relacionamento.